06/12/2015

Em 06 de Dezembro de 1953 nascia Masami Kurumada no Japão [+ confira uma breve biografia do mangaká]

O criador de Os Cavaleiros do Zodíaco, Masami Kurumada (車田正美), nasceu no dia 06 de Dezembro de 1953, em Tóquio, Japão. Sagitariano, o mestre Kurumada, como é tratado por muitos admiradores, também é o autor de vários outros mangás, incluindo os conhecidos B't X, Fūma no Kojirō e Ring ni Kakero.

O primeiro trabalho de Kurumada foi Otoko Raku, que lhe rendeu o prêmio Tezuka em um concurso de mangá para autores iniciantes. Logo depois, se tornou assistente de mangakas profissionais. Iniciou carreira profissional em 1974 com Sukeban Arashi. Porém Kurumada conseguiu o primeiro sucesso três anos depois quando começou a escrever e desenhar Ring ni Kakero, que trouxe a ele reconhecimento como autor, série essa, que durou cinco anos e que ele considera como sua obra favorita. Em 1986 Kurumada começou a publicar um mangá que iria se tornar sua obra prima e um sucesso mundial, Saint Seiya (Os Cavaleiros do Zodiaco). É importante mencionar também que o fato de Kurumada ser praticante de artes marciais desde a juventude teve grande influência em suas obras.

Além disso, da mesma maneira como os mangakas da atualidade, Kurumada reverencia o "Osamu Tezuka Star System", que se trata de uma técnica de manga onde o autor recorre ao uso de um elenco estável de personagens em suas obras (caracteriza-se por manter a mesma aparência e personalidade de seus personagens, mas às vezes o autor da novas personalidades e papéis diferentes do que em trabalhos anteriores). Devido a isso, os personagens principais de suas obras na maioria das vezes têm uma semelhança com Takane Ryuji, protagonista de Ring ni Kakero. Os personagens principais de suas obras subsequentes têm quase a mesma aparência e personalidade de Ryuji, especificamente Jingi Kikukawa (Otoko Zaka), Kojiro (Fuuma no Kojiro), Seiya (Saint Seiya), Teppei Takamiya (B't X), Sho (Silent Cavaleiro Shō), Aoi Tendão (Aoi Tori no Shinwa), Rindo Kenzaki (Ring ni Kakero 2), entre outros. Além de Kurumada, outros artistas mangakas renomados também recorrem à técnica do mestre Tezuka, entre eles podemos citar: Leiji Matsumoto, Monkey Punch, Shotaro Ishinomori e o grupo Clamp, este último sendo fortemente influenciado pelas obras de Kurumada.
Kurumada já revelou que as adaptações em anime de suas obras não são muito do seu agrado, ele tem uma preferêcia pelos mangás. Porém ele concordou que suas obras Fuma Kojiro, Saint Seiya, Ring ni Kakero e B't X fossem adaptadas para anime.


- Podem ser conferidas a seguir todas as obras de Masami Kurumada:
  • Otoko raku (1974)
  • Sukeban Arashi (1974) - Sukeban Arashi, conta os problemas de uma jovem adolescente chamado Rei Kojinyama. Um dia em sua classe chega uma nova aluna vindo de Tóquio filha do milionário Ayakoji. Shizuka Ayakoji é filha única e esta sempre acompanhada por seu guarda-costas Toudo, cujo circunstâncias do passado o colocou ao lado de Shizuka. Desde o início e por causa da elegância de Shizuka, Rei não se dá muito bem com ela. Entre inúmeras aventuras e disputas o mangá segue cheio de ação, risos e sofrimento.
  • Mikero Rock (1975)
  • Ring ni Kakero (1977) - Ring ni Kakero conta a história de Takane Ryuji, um jovem que luta para ser um grande boxeador profissional, mas que para poder conseguir vencer esse desafio, primeiramente ele precisa vencer seu antigo rival, Kenzaki Jun, que é conhecido por todos como o "gênio do boxe", um lutador que dizem superar até mesmo um profissional. Takane Ryuji conta com a ajuda de sua irmã, Takane Kiku, uma jovem que herdou o senso de boxe do seu pai, e com isso eles treinam intensamente para poder conseguir conquistar esse sonho e também para poder rever a sua querida mãe.
  • Mabudashi Jingi (1979)
  • Shiboori Taishoo (1979)
  • Jitsuroku! Shinwakai (1979)
  • Saigo no Jitsuroku! Shinwakai (1983)
  • Fuma no Kojiro (1982)
  • Raimei no zaji (1983)
  • Otoko zaka (1984)
  • Saint Seiya (Os Cavaleiros do Zodiaco) (1986) - Saint Seiya conta a história de cinco Cavaleiros de Bronze; Seiya, Hyoga, Shun, Shiryu e Ikki, que lutam para proteger a deusa Atena (Saori Kido) e a Terra contra as forças do mal. Com a história baseada na mitologia grega, entre outras, a série se tonou um fenômeno mundial. No Brasil foi através da extinta rede Manchete que os brasileiros tomaram conhecimento dessa série, e é graças a Saint Seiya também que os animes invadiram o Brasil.
  • Shimamura san Chi no Kodomotachi (1989)
  • Aoi tori no Shinwa: ~BLUE MYTH~ (1992)
  • Silent Knight Shō (1993)
  • Kyōfu Taiken (1993)
  • Akane iro no kaze (1995)
  • B't X (1994) - B't X conta a história de Teppei Takamiya, um jovem capataz de uma fazenda localizada na ilha Kamui, ao norte do Japão. Seu irmão mais velho, Katarou Takamiya, deixou o Japão para estudar robótica na Alemanha e se tornou um dos mais importantes cientistas do mundo. Cinco anos mais tarde, os dois irmãos se reúnem em uma feira de robótica em Mechatopia, na China, onde Kotarou anuncia ao mundo sua maior e mais impresionante descoberta na área de inteligência artificial. Durante a convensão Kotarou se torna refén do impiedoso Império Máquina (Império das Máquinas), e é levado pra "A Área", a base secreta do Império Máquina, que se oculta nas tempestades de areia do inóspito deserto de Gobi. Intrigado com o misterioso "Punho Sagrado", e procurando enteder seu significado e buscado resgatar seu irmão sequestrado, Teppei decide caçar os sequestradores de seu irmão, mas se depara com máquinas que nunca antes ele tinha visto. Mais tarde, ele descobriria que aquela máquina era um B't. Então Teppei se vê perseguido pelos B'ts do Império das Máquinas. Acaba ferido e sangrando. É então que o lendário B't X renasce e surge para ajudá-lo a derrotar o Império das Máquinas e salvar o seu irmão.
  • Shin Samurái Showdown (1995)
  • Evil Crusher Maya (1996)
  • Ring ni Kakero 2 (2000)
  • Saint Seiya - Next Dimension - Myth of Hades (2006)
  • Ai no Jidai - Indigo period (2015)

- Outros trabalhos que teve participação:
  • Fūma no Kojirō: Yagyū Ansatsu Shō (2003) de Yuri Satoshi
  • Saint Seiya Episóde.G (2002), de Megumu Okada
  • Saint Seiya: The Lost Canvas - Hades Mythology (2006), de Shiori Teshirogi
  • Saint Seiya Gigantomachia (2002), de Tatsuya Hamasaki.

- Letras de canções:

Ao longo de sua carreira, Masami Kurumada tem escrito a letra de muitas das canções que aparecem em muitas de suas séries de anime. Kurumada escreveu a letra da Abertura e Encerramento da Saga de Hades Fase de Inferno de Saint Seiya em anime:
"Megami no Senshi" (Guerreiros da Deusa)
"Pegasus Forever" (Pégaso Eterno) de Marinha Do Ray
"My Dear" (Meu Querido) de Yumi Matsuzawa


Também, escreveu a letra de Encerramento da segunda saga de Ring nem Kakero levada ao anime em 2006:
Shining like Gold ~思い出の欠片~ [Omoide no kakera] (Brilha como o ouro, fragmentos de lembranças)

Para os episódios finais da Saga de Hades de Saint Seiya (fase Elíseos) em 2008, Kurumada compôs a letra de uma nova canção de encerramento:
"Kami no Sono - Do Regno"  (Jardim de Deus - O Reino)

Além de tudo isso, Masami Kurumada fez uma pequena participação como dublador na adaptação animada de Ring ni Kakero. No primeiro episódio emprestou a sua voz para um personagem que se tratava do próprio mangaká marcando presença no anime.
............................................

Um tema recorrente em suas obras é a coragem, amizade e sacrifício. Virtude masculina e qualidades, honestidade e honra também são traços frequentemente encontrados em seus personagens. Personagens femininos em suas obras desempenham um papel muito menor, mas as várias com papéis-chave também podem ser encontradas, como o Rei Kojinyama (Sukeban Arashi), Takane Kiku (Ring ni Kakero) e Saori Kido (Saint Seiya). Kurumada afirmou em entrevistas que ele obtém alguma influência criativa de autores considerados mestres para ele, como Hiroshi Motomiya , Shirato Sanpei e Yokoyama Mitsuteru.

O mangaká também se inspira no conhecimento universal e do folclore, como a mitologia grega, mitologia japonesa e chinesa, budista e hinduísta, filosofia trascendental, e obras clássicas da literatura, como A Divina Comédia (de Dante Alighieri).

As obras de Kurumada têm tido influência sobre autores de mangá e mídias relacionadas. Digno de menção é Yudetamago (Kinnikuman), Kawamoto (Hiroshi), Tenku Senki (Shurato), Clamp (Magic Knight Rayearth), Kōichi Tokita (Mobile Fighter: G Gundam), Ryuichi Hoshino (Samurai Troopers Yoroiden), Yoshihiro Togashi (Yuyu Hakusho), e em games como The King of Fighters, entre outros.
Seus fãs são geralmente referidos como "Masamists".

Devemos grande parte de nossa infância e alegria a Masami Kurumada que foi um verdadeiro herói para muitos!
Obrigado Masami Kurumada e feliz aniversário!

Abaixo podem ser conferidas as capas originais de algumas das obras do mestre Kurumada:



Nenhum comentário:

Postar um comentário